Dedicar-nos ao máximo na busca pelo conhecimento, com o objetivo de oferecer aos nossos pacientes o que há de melhor

Ginecomastia: causas medicamentosas

A ginecomastia é o desenvolvimento de glândulas mamárias excessivamente grandes em homens, resultando no aumento do peito, que algumas vezes pode provocar a secreção de leite (galactorreia) e é geralmente atribuída ao desequilíbrio de hormônios sexuais.

É uma síndrome relativamente frequente que pode aparecer espontaneamente na puberdade, ou ser provocada pela ingestão de alguns medicamentos, tais como: estrógenos, corticóides, espirinolactona, sulpiride, digoxina, cimetidina, neurolépticos, anfetaminas, certas substancias como cannabis, etc.

O excesso de atividade do estrogênio, provocado pelo consumo de medicamentos para aumento de massa corporal, pode ocasionar aumento da mama, assim como medicamentos usados no tratamento do câncer de próstata. Embora a parada na ingestão desses medicamentos possa ocasionar a regressão da ginecomastia, algumas vezes é necessária a cirurgia para eliminá-la.

O diagnóstico baseia-se no histórico clínico e na exploração pelo próprio paciente. A contagem hormonal e a radiografia pulmonar são indispensáveis para determinar a causa de ginecomastia. A mamografia confirma o diagnóstico e descarta a presença de tumores malignos.

Leave a Comment

(0 Comments)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso Ajudar?