Dedicar-nos ao máximo na busca pelo conhecimento, com o objetivo de oferecer aos nossos pacientes o que há de melhor

"O CFM, CRM e SBCP proibem fotos pré e pós por questões éticas. Veja imagens no Youtube"

Anestesia é a ausência total de dor durante o ato cirúrgico. Ela pode ser obtida através da anestesia regional, geral ou local.
Na anestesia regional, somente uma parte do corpo ficará anestesiada, mas você estará dormindo através da sedação venosa que é feita conjuntamente. Na anestesia geral, além da analgesia, você dormirá profundamente, anestesiando todo o seu corpo. A anestesia, seja ela geral ou regional, durará o tempo necessário para que o cirurgião faça o seu trabalho com segurança e tranqüilidade.

O que você precisa saber sobre a anestesia?

Todos nós temos medo do desconhecido. Nesse sentido, podemos comparar a anestesia a uma viagem de avião: alguns nunca viajaram e têm muito medo, outros já viajaram mas ainda sentem um pouco de apreensão e outros não têm medo algum. Na realidade, milhares de vôos acontecem diariamente no mundo inteiro na mais absoluta segurança, mas raros acidentes que acontecem são amplamente divulgados pela imprensa, o que aumenta muito a insegurança das pessoas.

O mesmo acontece com a anestesia.

Diariamente, milhares de pacientes são anestesiados por anestesiologistas qualificados na mais absoluta segurança, mas as complicações, embora raras, são de forma sensacionalista, exploradas pela imprensa. Por esses motivos, você deve exigir que, somente um profissional qualificado te anestesie. O anestesista e o seu cirurgião podem elucidar suas dúvidas e explicar o que acontecerá com você, desde a entrada no bloco cirúrgico até a saída do mesmo.

Ouvir explicações seguras e sinceras traz o conhecimento e reduz em grande parte a ansiedade e o medo.

Ouvir a opinião de leigos irá aumentar suas dúvidas e o medo.
A anestesia só pode ser aplicada por médico com especialização em Anestesiologia.

Este profissional, além de anestesiá-lo, será o guardião de todas as suas funções vitais, tais como respiração, pressão arterial, pulso, diurese e outras, desde o início até o término da cirurgia. Ele estará ao seu lado por todo do tempo da cirurgia, exclusivamente para cuidar de você. A escolha da técnica anestésica e dos anestésicos utilizados também é feita por ele de acordo com o seu estado geral, com a sua patologia, com o seu estado emocional, com o tempo de duração da cirurgia etc. Muitas fantasias e desinformações existem sobre a anestesia e, por este motivo, você não deve aceitar informações de pessoas leigas.

O que você deve fazer para colaborar com a sua segurança?

Jejum
Não coma nem beba nada por um período de seis horas antes da cirurgia. Um simples copo de água, um cafezinho ou uma goma de mascar produz sucos gástricos que podem causar tantos problemas quanto uma refeição completa. O jejum deve ser absoluto. Mesmo que a anestesia seja local ou regional, você deve ter em mente que eventualmente serão necessárias outras drogas para sedação que poderão te causar náuseas e vômitos.

Medicamentos
Anote o nome de todos os medicamentos que você toma ou tomou regularmente. Não se esqueça, principalmente, daqueles que te dão alergia. Caso seja necessário, escreva para não esquecer os nomes. Anote o nome das cirurgias que você já fez; caso se lembre, anote também o nome dos anestesistas. Caso tenha acontecido alguma complicação antes, durante ou após as cirurgias, não se esqueça de informar ao anestesista.

Maquiagem
Não use cosméticos ou produtos de beleza no dia da cirurgia. Batom e esmalte só servem para mascarar sinais importantes a serem avaliados durante a anestesia.

Joias
Não leve para a sala de cirurgia: joias, relógio, pulseiras, brincos, grampos etc. Além do risco de perda dos mesmos, lá eles não terão nenhuma utilidade. Caso tenha lentes de contato, deve retirá-las antes de entrar para o bloco cirúrgico. Cigarro não é bom em hora nenhuma, mas antes da cirurgia é muito pior. Pelo menos alguns dias antes da cirurgia ele deve ser evitado.

O que é a sala de recuperação?

Após o término da cirurgia, começa o processo de recuperação, que tanto poderá ser na sala de cirurgia como na sala de recuperação. Em qualquer dos dois lugares você estará permanentemente acompanhado por pessoal competente e só será liberado após ser avaliado pelo anestesiologista. Muitas vezes, os familiares ficam nervosos com a demora de sua liberação para junto deles; caso haja demora, ela é tão somente para a sua segurança.

Existem riscos na anestesia?

Embora raros, existem riscos e complicações em qualquer tipo de anestesia. O que temos que ter é a consciência de que também existem drogas cada vez mais seguras, uma alta tecnologia em aparelhos e profissionais experientes que procuram se aperfeiçoar mais e mais para que você tenha toda a segurança e sucesso na cirurgia.

SAÚDE E SUCESSO É O QUE DESEJAMOS A VOCÊ!

Equipe de Anestesiologia da Origen

× Como posso Ajudar?